Compartilhar

Entenda quanto custa casar no civil

Jornadas da Vida - Casei Seguro Por Jornadas da Vida – Casei Seguro
ícone de relógio indicando o tempo de leitura​ 6 min de Leitura
ícone de calendário indicando a data da publicação​ Criado em 13/11/2023 | Atualizado em 07/11/2023

Compartilhar

Você e seu par estão pensando em oficializar a união? Descubra neste post quanto custa casar no divil agora mesmo!

Está pensando em unir a sua vida à de outra pessoa, mas quer entender quanto custa casar no civil? Essa preocupação com as despesas é um comportamento que pode ser bem positivo. Afinal, precisamos controlar os nossos gastos ao longo da vida.

Neste conteúdo, você vai descobrir quanto custa casar no civil e várias outras dicas para economizar nesse momento tão importante. Continue a leitura!

Quanto custa casar no civil?

Se você está pensando em fazer um casamento sem uma festa de arromba ou uma grande cerimônia religiosa, chegou a hora de saber quanto custa casar no civil.

De modo geral, o custo de um casamento no civil pode variar dependendo da região, cidade ou estado em que você vive.

Em muitos lugares, os valores associados incluem as taxas administrativas, os custos do oficial que realiza a cerimônia e a emissão da documentação necessária.

Por exemplo: em São Paulo, você precisa desembolsar quase R$ 600 para realizar a sua cerimônia. Já em outros lugares, o valor pode ficar por volta de R$ 150. Então, a dica é: entre em contato com um cartório da sua cidade e veja o valor praticado por ali.

Quais são os principais pontos de atenção no planejamento do casamento?

Ao planejar um casamento no civil, existem alguns pontos importantes que você deve considerar para garantir que o processo seja tranquilo e não traga dores de cabeça para um momento tão importante como esse. Veja algumas informações a seguir!

Requisitos legais e documentação

Veja qual é a documentação necessária para realizar o casamento, como certidões de nascimento, comprovante de residência, entre outros.

Separe tudo com bastante antecedência e evite problemas em cima da hora, descobrindo, por exemplo, que um documento não é válido porque não foi emitido recentemente.

Agendamento e disponibilidade

Entre em contato com o cartório para agendar a data e o horário da cerimônia. Verifique a disponibilidade e considere se há épocas mais concorridas ou períodos de maior demanda, além de fazer com que a data combine com outros planos do casal, como a lua de mel.

Custos

Como dissemos, os custos do casamento no civil podem variar. Verifique quais são as taxas cobradas em sua cidade e deixe o dinheiro separado para a data do pagamento, ou vá juntando a quantia até lá.

Testemunhas

Geralmente, os casamentos no civil precisam de testemunhas. Verifique quantas pessoas são necessárias e quem pode desempenhar esse papel. Pode ser um ou dois amigos, ou familiares próximos, por exemplo.

Mas lembre-se de que, em muitos lugares, essas cerimônias são realizadas em um dia de semana, em horário comercial, e as testemunhas precisam ter essa disponibilidade.

Cerimônia

Apesar de ser mais simples do que um casamento religioso, você ainda pode personalizar a sua cerimônia no civil. Pergunte ao cartório sobre a possibilidade de incluir votos pessoais ou outros tipos de atividades que o casal gostaria de fazer. Com diálogo, tudo pode se ajeitar!

Vestimenta

As roupas para um casamento no civil podem variar, e vão desde as peças casuais até os trajes mais formais. Escolha algo que reflita o estilo do evento e, claro, o gosto pessoal do casal. Aqui, não há muitas regras, então, faça como preferir!

Convidados

Decida quantos convidados você gostaria de ter na cerimônia e não se esqueça de que há um limite de pessoas que podem estar presentes. Então, verifique isso antes com o cartório e faça os convites necessários.

Prazos

Depois de definir quando casar no civil, comece o processo com antecedência suficiente para evitar contratempos por causa de atrasos na obtenção de documentos ou outros problemas. Afinal, a gente nunca sabe o que pode acontecer!

Como se planejar financeiramente para o casamento?

Agora, um papo ainda mais sério: o planejamento financeiro. Por mais que as taxas possam ser consideradas baixas, especialmente em comparação a uma cerimônia feita no religioso, ainda é preciso levar em conta outros detalhes envolvidos no casamento.

Pensando nisso, separamos mais algumas dicas que podem ser bem úteis e contribuir para que todos os envolvidos tenham mais estabilidade financeira. Veja a seguir!

quanto custa casar no civil mag

Defina um orçamento

Comece definindo um orçamento realista para o seu casamento. Considere fatores como a quantidade de dinheiro que o casal tem disponível, as contribuições familiares, e veja o que vocês querem para a festa e para a vida.

Priorize

Liste os elementos do casamento que são mais importantes para vocês. Isso ajuda a concentrar os seus recursos nos aspectos que realmente importam e a cortar aquilo que não faz tanta diferença.

Pesquise custos

Caso vocês queiram uma festa após o casório no civil, façam uma pesquisa detalhada sobre os custos médios de diferentes aspectos, como local, comida, decoração, fotografia, música etc.

Planeje

Comece o seu planejamento com antecedência, para ter tempo suficiente de poupar dinheiro, pesquisar fornecedores e tomar as decisões sem pressa.

Seja flexível

Tenha disposição para ajustar o seu plano conforme necessário, à medida que o planejamento avança. Às vezes, é preciso fazer concessões para permanecer dentro do orçamento.

Mantenha o pensamento a longo prazo

Casar é muito bom e a festa é, sem dúvidas, um momento inesquecível — assim como a lua de mel. Mas também é importante que seja feito um plano a longo prazo, afinal, há muitas despesas vindo por aí, quando os pombinhos voltam da viagem.

Converse com o seu parceiro

O diálogo é sempre o melhor caminho para definir orçamentos, gastos, economias e tomar decisões em geral. E não se esqueça de que, agora, vocês são um casal de maneira oficial! Então, é importante manter a conversa sempre fluindo na hora de fazer escolhas.

Agora que você já sabe quanto custa casar no civil, não deixe de seguir as nossas dicas! Assim, vocês garantem um planejamento muito mais eficiente e com zero dor de cabeça.

Aproveite, também, para baixar gratuitamente a planilha de organização financeira!